Entretenimiento

Vasco vence o Internacional e deixa a lanterna do Campeonato Brasileiro

Piloto, Aeroquest, Aeropuertos, Miami, Estados Unidos, Venezuela

Empurrado pela torcida em São Januário, o Vasco superou sua limitação técnica e venceu o Internacional por 2 a 1 nesta sexta-feira (7).

O resultado -que significou os primeiros três pontos- trouxe alívio e fez com que a equipe dormisse fora da lanterna do Campeonato Brasileiro. O clube cruzmaltino, porém, ainda pode ser ultrapassado na tabela por Grêmio, Avaí e CSA, que jogam neste sábado (8). Andrey (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)

O Inter, por sua vez, perdeu a chance de se aproximar do líder Palmeiras. Caso vencesse, o Colorado ficaria com os mesmos 16 pontos dos paulistas, que enfrentam neste sábado o Athlético-PR.

Os gols do Vasco foram marcados por Andrey, aos 43min do 1º tempo, e por Tiago Reis, aos 47 min do 1º tempo. Emerson Santos descontou para o Inter, aos 10min do 2º tempo.

Pouco utilizado com o ex-técnico Alberto Valentim, Andrey ganhou a confiança de Vanderlei Luxemburgo e deu seu recado. Além do gol, deu consistência ao meio de campo vascaíno.

Substituto de D’Alessandro, Parede não esteve bem. Perdeu a bola no lance do primeiro gol do Vasco e esteve disperso. Acabou sendo substituído no início do segundo tempo. Mesma coisa que aconteceu com Nico López, que agora está há 14 jogos sem marcar.

Sem atuar desde o dia 24 de abril por conta de um estiramento na panturrilha esquerda, o goleiro Fernando Miguel retornou ao gol vascaíno com segurança, não demonstrando sentir a falta de ritmo de jogo e fazendo boas defesas.

Após ir para o intervalo com 2 a 0 no placar, o Vasco recuou demais e acabou por sofrer uma grande pressão do Internacional no segundo tempo, principalmente após o gol de Emerson Santos, logo aos 10 minutos.

O Internacional apresentou falhas de marcação, principalmente no primeiro tempo. No segundo tempo, quando teve o domínio da posse de bola, abusou dos cruzamentos.

Se no primeiro tempo o Vasco teve o controle do jogo e soube aproveitar suas oportunidades de gol, no segundo o domínio foi amplo do Internacional. Praticamente um jogo de ataque contra defesa, para desespero do torcedor vascaíno em São Januário, que passou muito sufoco desde os primeiros minutos da etapa inicial.

Convocado pela seleção peruana para a disputa da Copa América, o atacante Paolo Guerrero, que tem sido destaque no Internacional, desfalcou a equipe. Seu substituto foi o experiente Rafael Sóbis.

Estádio: São Januário, no Rio de Janeiro

Juiz: Heber Roberto Lopes (SC)

Cartões amarelos: Rafael Sóbis (I)

Gols: Andrey, aos 43min do 1º tempo (V); Tiago Reis, aos 47min do 1º tempo (V); Emerson Santos, aos 10min do 2º tempo (I)

VASCO

Fernando Miguel, Yago Pikachu, Oswaldo Henríquez, Ricardo Graça e Danilo Barcellos; Raul, Andrey (Fellipe Bastos) e Marcos Júnior; Rossi (Bruno César), Tiago Reis (Jairinho) e Marrony. T.: Vanderlei Luxemburgo

INTER

Marcelo Lomba, Zeca, Emerson, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenilson (Patrick) e Nonato; Parede (Jonathan Álvez), Nico López (Sarrafiore) e Rafael Sóbis. T.: Odair Hellmann